Vivo a Dança

De repente, sinto uma energia incrível
Que nem consigo explicar
Que quem está de fora pode até criticar
Mas quem a vivencia, só tem a aproveitar

Um observador não entende
Pois não está na mesma sintonia
O que serão aqueles movimentos
Se nada sinto, nem consigo empatia?

Uma energia que impulsiona
Que acrescenta ritmo ao coração
Movimenta músculos em vários pontos
Com vontade e alegria na impulsão.

Um fator externo complementa
Ouço uma melodia a me embalar
Cifras e notas diferentes
Que acrescentam beleza no bailar

Danço, rodopio e não penso
Pois somente as sensações podem prevalecer
Que me importa como me analisam?
Se, com esses movimentos, enriqueço o meu viver!!

Dançar é tudo para mim
Complementa a minha vida
Cria o equilíbrio mágico
Que matura o comportamento na lida.

Realidade ou Sonho
Tudo é possível interpretar
Pois o que me vem do acervo
Implementam o meu movimentar

Herança genética ou experiências de vida
Latentes ou apenas no inconsciente
Pois o que eu quero mesmo neste momento.

Deixe uma resposta