Vida Eterna

Ah como estão densas as nuvens
as nuvens no firmamento
assim como as nuvens nos
meus pensamentos
a sensação de que não há estrelas
nem sóis , nem constelações
mas minha alma me diz que sim
quem elas existem, que lá estão
que de lá nunca sairão
que para sempre guardam
os escritos do nosso coração
dos nossos destinos
nos horóscopos do firmamento
em cada signo da vida e da morte
vida apenas da alma, sem a conflitante
dualidade do material frente ao espiritual
do efêmero face ao eterno
do profano penitenciado ao divino
do tempo medido ao infinito
Bem aventuranças em vida, até os
Rituais de passagem
O dia da vida
Verdadeira vida
Vida que não pulsa
A eterna vida.

One Response

  1. Karina 28 de dezembro de 2009

Deixe uma resposta