Corpo Frio

Tudo era muito sem sentido em sua vida
A razão de ser, era mera eventualidade, e
Não o queria aceitar… enfatizava seus conhecimentos em pequenos momentos do saber…

E sua vida era um conto de histórias que não tinha nada a merecer…
Do nada havia surgido, sem querer, ali estava…
Mas quase extinguido do seu eu…

Caminhava sem saber de nada..queria apenas uma simples resposta, para uma pergunta que não havia mistério… o seu interior clamava!!!
Mas tudo continuava como estava…

Seu mundo dividido…no mais absoluto e secreto…
Sem resposta se encontrava, mas continuava sua trajetória sem poder qualquer palavra ocultar em si…

Seu pensamento dissipou-se e suas lágrimas sem sentido tornou-se..
Um mistério no ar ficou, e para sempre na sua mente talvez uma dúvida lhe restou…

Sua alma não mais o clamava….
Sua voz já era oculta… suas mãos não podia sentir… seu corpo frio se encontrava…
Num lugar que um dia talvez desejou… e assim sem nenhuma palavra um dia nos deixou…

Deixe uma resposta