É preciso AMAR…

É preciso amar…
como se não houvesse amanhã.

Deixe uma resposta