Amor de palhaço

Um palhaço abraçado,
Num lampião apagado,
Beijava a serpentina,
Que lhe atirou a Colombina.
Um palhaço abraçado,
Num lampião apagado,
Beijava a serpentina,
Que lhe atirou a Colombina.
Palhaço, Palhaço…
A Colombina, já não volta mais,
Palhaço, Palhaço…
O Arlequim te passou pra traz…

Fonte: letras terra.

Chik chik chik bum

Chik chik chik chik chik bum!
Chik chik chik chik chik bum!
Pare o bonde, pare o bonde
Que inda vai entrar mais um
Quando eu pego o bonde errado
Vou até o fim da linha
E pra desfarçar as mágoas
Vou tocando a campainha
Outro dia eu distraí
Passeando com meu bem
Peguei o estrada de ferro
Pensando que fosse um trem

Antônio Almeida, 1941
Fonte: Mensagens e Poemas