Homenagem À Um Irmão Evangélico

publicidade anuncie

Hoje eu quero homenagear uma pessoa muito especial
Um amigo muito querido que sempre, sempre está comigo

Nas horas felizes, ele está presente
Nas horas mais difíceis, principalmente.
Na verdade ele é mais que um amigo
É o meu irmão mais velho e muito querido
É com ele que me abro e revelo todos meus segredos
É por ele que chamo durante os pesadelos.

Estou sempre com ele, pois com ele quero aprender
dele não escondo nada, mesmo que o entristeça
Ao seu lado sou criança
E por mais que eu erre, me perdoa, e nunca perde a esperança.

E de cuidar de mim, nunca se cansa
Sei que ao seu lado sou pequeno e nele está minha fé
Sou seu irmão caçula, sempre criança, e nunca largo o seu pé
E como criança, às vezes o deixo falando sozinho.

Mas não é por desobediência ou má-criação
É o cansaço que me pega, o sono que chega
Sem nenhuma compaixão
E quando acordo, vou logo lhe falar
E pedir o seu perdão.

Ele é o meu super herói e é nele que me inspiro
E procuro em minha fraqueza e na minha fragilidade
Juntar minhas forças e humildemente segui-lo
E quando lhe perguntam: quem és?
Ele costuma dizer: sou o caminho, a verdade e a vida
E sou o que te tira das trevas para a luz
E se você ainda não sabe quem é o meu amigo e irmão…
É o meu Senhor Jesus!

Homenagem À Um Irmão Evangélico
Fonte: Mensagens e Poemas

Fernanda Brum – Te Amaria Outra Vez

Composição: Fernanda Brum / Ariane

Te amaria outra vez
Se você quiser perguntar
Te amaria outra vez
Pra você nunca duvidar
Te amaria outra vez
Como fogo no teu olhar

Te amaria outra vez
Se visse você partir
Te amaria outra vez
Se tivesse que te buscar
Te amaria outra vez

Te ouviria outra vez
Te escreveria outra vez
Longas cartas
De uma eterna namorada
Te ligaria outra vez
Te acordaria outra vez
Pra conversar durante
Toda a madrugada

Te amaria outra vez
Se visse você chegar
Te amaria outra vez
Se olhasse no teu olhar
Te amaria outra vez

Fonte: Letras.mus.br

Fernanda Brum – Você Merece

Composição: Eyshila

Cada vez eu que olho pra trás vejo o cuidado de Deus
Lembro com carinho o dia que eu conheci você
Hoje eu te respeito demais
Vejo a falta que você faz
Não demore tanto assim a me procurar
Não mandei me conquistar

Nossa comunhão vai invadir as portas da eternidade
Temos que escolher canções pra cantar pro Senhor
Não espero perfeição
Quero teu amor
Não abro mão de você
Não abro mão de tudo que Deus revelou

Você merece espaço em meu coração
O meu carinho, a minha comunhão
Nossa amizade o Senhor escreveu
Nós somos prova do cuidado de Deus
Dia e noite eu vou orar por você
Estamos em guerra, precisamos vencer
Eu sinto força ao segurar sua mão
E nada mais vai impedir nossa oração

Fonte: Letras.mus.br

Mensagem Evangélica de Incentivo ao Amigo

publicidade anuncie

Quando o sonho se desfaz,
Deus reconstrói.
Quando se acabam as forças,
Deus renova.

Quando é inevitável conter as lágrimas,
Deus dá alegria.

Quando não há mais amor,
Deus faz nascer.
Quando a maldição é certa,
Deus transforma em benção.

Quando parece ser o final,
Deus dá novo começo.
Quando a aflição quer persistir,
Deus nos envolve em paz.

Quando a doença assola,
Deus é quem cura.
Quando o impossível se levanta,
Deus o torna possível.

Quando faltam as palavras,
Deus sabe o que queremos dizer.
Quando tudo parece se fechar,
Deus abre uma porta.

Quando você diz: não vou conseguir,
Deus diz: Não temas, pois estou contigo.
Quando o coração é machucado por alguém,
Deus é quem derrama o bálsamo curador.

Quando não há possibilidade, Deus faz milagre.
Quando só há morte, Deus nos faz persistir.
Quando a noite parece não ter fim,
Deus faz nascer o amanhecer.

Quando caímos num profundo abismo,
Deus estende sua mão e nos tira de lá.
Quando tudo é dor, Deus a dá o refrigério.
Quando o calor da provação é grande,
Deus dá a sombra de sua presença.

Quando o inverno parece infinito,
Deus traz o verão.
Quando não existe mais fé, Deus diz: Acredita!

Quando estamos a um passo do inferno,
Deus dá a direção do céu.
Quando não temos nada,
Deus nos dá tudo.
Quando alguém diz não somos nada,
Deus nos diz que somos mais do que vencedores.
Quando se torna difícil caminhar, Deus nos carrega no colo.

Mensagem Evangélica de Incentivo ao Amigo
Fonte: Mensagens e Poemas

Fernanda Brum – A Espera de Um Milagre

Composição: Emerson Pinheiro / Fernanda Brum / Eyshila

Quem é que vai se importar
Com aquele que está
Esquecido na estrada?
Onde haverá um lugar
Onde eu possa amar,
Ser feliz e mais nada?

Onde estão os que andavam comigo
Quando tudo era bem melhor?
Onde estão os meus melhores amigos
Que oravam por mim, choravam por mim
Onde estão?

À espera de um milagre eu ainda estou,
Insisto
Disso eu não abro mão
Eu não vou morrer aqui nessa solidão
Amigos
Deus sabe onde estão.

Amigos
Crianças
idosos
Deus tenha compaixão
Amigos
Sinceros
Que oram
Deus sabe aonde estão.

Fonte: Letras.mus.br

Fernanda Brum – Canção Para Minha Amiga

Composição: Fernanda Brum e Emerson Pinheiro

Amiga, o mundo quase te destruiu
Também estive lá
Amiga, por muitos vales eu te encontrei
Chorando ao atravessar
Quando o vento soprou
Quando a água acabou
E disseram que era o fim
Amiga, Deus te revelou a mim
Leva o meu coração contigo
Guarda o meu coração amigo
E nos dias de inverno e solidão
Se aqueça com meu coração
Amiga, a vida foi tão dura, eu sei
Também te vi chorar, amiga
Mas Deus Se revelou para nós
Não posso reclamar
Nos usou com poder eu só posso dizer
Obrigada, Senhor, por tudo que eu vivi
Amiga, eu te amo tanto (4x)
Leva o meu coração contigo
Guarda o meu coração amigo
E nos dias de inverno e solidão
Se aqueça com meu coração

Fonte: Letras.mus.br

Nossa amizade jamais terá fim

Nossa amizade jamais terá fim,
porque Jesus está nos abençoando,
nos zelando e olhando por nós.
Depois que eu te encontrei,
meu coração já não se senti só.

Na alegria ou na dor
vou contigo a onde você for,
fazer você sorrir
é o meu maior prazer.

Nada nunca vai mudar
o que eu sinto por você.
Você é o amigo que eu pedi á Deus!

Nossa amizade jamais terá fim
Fonte: Mensagens e Poemas

Não Seja Apanhado de Surpresa

publicidade anuncie

Quando andarem dizendo: Paz e segurança, eis que lhes sobrevirá repentina destruição, como vem a dor do parto à que está para dar à luz; e de nenhum modo escaparão.

Mas, vós, irmãos, não estais em trevas, para que esse dia como ladrão vos apanhe de surpresa. I Tes. 5:3 e 4.
Quando nosso filho Steve nasceu, Vesta e eu morávamos em Manaus, junto ao rio Amazonas. Nossa casa situava-se nos arredores da cidade. O serviço de ônibus urbanos parava às 10 horas da noite e recomeçava às 4 da manhã.
Não havia telefones por perto. Ao aproximar-se o tempo da chegada de Steve, consegui localizar três telefones cerca de um quilômetro e pouco de nossa casa, para alguma eventualidade. Assim mesmo, fomos apanhados de surpresa.

Não que não tivéssemos feito planos para a chegada de Steve. Nós fizemos. Mas ele não nasceu quando esperávamos que nascesse. As dores do parto começaram à uma e meia da madrugada.
Eu me vesti e corri para o primeiro telefone tão rápido quanto conseguia. Era a casa de uma parteira.

Bati palmas, como era costume. Como eu continuasse a bater, alguns vizinhos acordaram e me informaram que ela estava de férias. Corri até uma loja onde havia telefone.

Estava fechada, claro! Então percebi uma luz que brilhava por trás da porta de uma padaria. Bati palmas, expliquei a emergência aos dois empregados e pedi permissão para usar o telefone. Eles se desculparam, mas eu teria que pedir licença ao patrão, que morava na esquina.

Corri até a esquina. Minhas palmas devem ter causado mau humor no patrão, pois quando expliquei minha aflitiva situação e pedi licença para usar o telefone, ele me disse com termos bem explícitos que ninguém usaria o telefone dele àquela hora da noite e bateu a janela com força.

A essa altura eu estava desesperado. Finalmente, encontrei alguns homens que tinham estado bebendo até tarde e haviam chamado um táxi.
Quando lhes expliquei a situação, com boa vontade me permitiram usar o táxi que haviam chamado.
Quando entramos no hospital, era quase tarde demais. Steve nasceu cinco minutos depois de termos chegado! Seja quando for, a segunda vinda de Cristo apanhará a maioria das pessoas de surpresa.

Você não precisa deixar que isso lhe aconteça, se estiver sempre pronto para o Seu retorno (ver S. Mat. 24:36-44).

Não Seja Apanhado de Surpresa
Fonte: Mensagens e Poemas

Conversando com Deus

Pedi força e vigor Deus me mandou dificuldades para me fazer forte
Pedi sabedoria Deus me mandou problemas para resolver

Pedi prosperidade Deus me deu energia e cérebro para trabalhar
Pedi coragem Deus me mandou situações para superar
Pedi amor Deus me mandou pessoas com problemas para eu ajudar
Pedi favores Deus me deu oportunidades

Não recebi nada do que queria,
Mas, recebi tudo o que precisava!

Conversando com Deus
Fonte: Mensagens e Poemas