A loura e a senha

A loura foi ao gabinete do chefe e o encontrou absorto em seu trabalho. Ela notou que ele estava iniciando seu computador e resolveu dar uma espiada pra ver se conseguia a senha secreta dele. Afinal, se ela descobrisse, a geral do escritório não ia mais chamar ela de burra.

Quando o chefe colocou sua senha, a loura saiu em disparada porta afora, gritando para todos os colegas:
- Eu descobri, descobri, descobri, yes!!! Agora eu sei a senha do chefe!!!
Uma amiga mais atenta responde:
- E qual é a senha??
A loura, toda faceira, responde:
- Asterisco, asterisco, asterisco, asterisco…

Fonte: Piadas On-line

O nosso combustível

publicidade anuncie

Gosto de falar sobre o amor, pois ele é o nosso combustível de sobrevivência.
Esse amor está que está presente, nas nossas famílias, com nossos colegas e amigos e principalmente com alma que procuramos ou que já está compatibilizada com a nossa.
Apesar de tanta violência ou talvez por causa dela a procura desse conforto com alguém em que possamos confiar e acreditar realmente para sermos felizes torna-se constante.
Eu por exemplo estou cansada de viver experiências ruins e para piorar ainda mais os estado gerais dos relacionamentos aí está a AIDS, terrível e ameaçadora para todos os seres humanos sem exceções.
Infelizmente as pessoas ainda não se deram conta de que o único meio inteiramente seguro de evitar a Aids ou qualquer outra doença venéreas é a fidelidade ao companheiro ou companheira.
Fidelidade algo ao mesmo tempo tão simples e tão sublime.
Nossa alma é representada pelos os alquimistas como Graal.
Dizem que quem encontrar o graal terá as recompensas universais.
Nunca ninguém encontrou a Graal e jamais vai encontrar, pois é um mito um símbolo, um dos importantes da humanidade.
O Graal é a alma e o coração de todos igualmente sedentos por alegrias e satisfações desejo de verdade e felicidade.
Quando conhecemos alguém e nos apaixonamos são ditas tantas palavras lindas, dizemos e ouvimos e muitas vezes nos comportamos e o outro também se comporta de forma totalmente diferente.
A falta de incoerência das nossas palavras para com o nosso comportamento torna-se prejudicial.
A procura de um amor amigo e companheiro que apóie, que ajude a nos materializar nossos sonhos sem pisar sem achar que são sonhos tolos torna-se cada vez mais raro.
O companheirismo seja ele no casamento ou numa união estável sempre foi muito questionada…
O que falta para um casal ser verdadeiramente feliz?
Hoje o casamento como a união estável perante a lei são mesmas coisas não é nada mais que um contrato legal de uma sociedade legal, ele não garante felicidade e nem assegura que companheiro ou cônjuges continuarão a se amar para sempre.
Tem mulheres que buscam o príncipe encantado, a posição social, o marido ou companheiro perfeito e ideal.
O homem por sua vez procura uma mulher encantadora fisicamente, inteligente e sincera.
Se encontrarão ou não é um risco de vida.
Você já considerou que casando ou não significa entrar no destino de outra pessoa e que inevitavelmente começará a interferir?
Que a vida em comum faz que cada coisa marque totalmente a parceiro (a) pelo resto da vida?
Cada palavra, carinho, gesto será mais tarde relembrado, para o bem ou para o mal.
Igualmente os conflitos no relacionamento e na sexualidade.
Uma união que não está correndo bem pode estar se perguntado:
“AMO meu marido ou companheiro (esposa ou companheira)?”. – Sinto que nascemos um para outro, mas o relacionamento está frio, sexualmente não somos mais que éramos.
A verdadeira alma da união esta em aceitá-lo como ele é, verdadeiramente, sem ilusão de que será um mar de rosas.
Existe um ditado que diz: