Desistir?

publicidade anuncie

Eu sei que você muitas vezes pensou em desistir da caminhada, eu próprio já agi assim…
Eu sei que você está cansado de ver as injustiças sendo tratadas como virtudes, eu mesmo já me indiguinei com isso…
Eu sei que muitas vezes você chora, pensando estar só no imenso mar do mundo, eu próprio já me senti assim…

Agora pense comigo:

Desistir?
E se Jesus desistisse no meio do caminho, quando levava a cruz para sua própria morte?
Injustiça?
E se você estivesse no lugar de Jesus quando foi trocado por Barrabás?
Solidão?
E se você fosse Jesus quando ele exclamou: Deus meu, Deus meu, porque me desamparaste?

Agora lembre-se:
– Jesus está ao teu lado, não desista da caminhada, para que o sacrifício do mestre não seja vão!
– Lembre-se que Deus é o Justo Juiz e um dia há de julgar os bons e os maus diante do Trono Branco!
– Ao te sentires só, lembre -se que Jesus é o amigo de todas as horas, e, hoje, ao leres esta mensagem, conquistaste mais um amigo, ou seja, eu!
Ao te sentires só, mande um email para mim, que responderte-ei e anunciarte-ei coisas grandes que não sabes.

publicidade anuncie

Comentários Facebook

12 ideias sobre “Desistir?

  1. Hj estava muito deprimida e um amigo que não conseguia me consolar,disse pra eu ver as mensagens de auto estima…essa mensagem é linda bendita hora que meu amigo me aconselhou a ver essa mensagem…hj tive uma desilusão e precisava muito de uma ajuda…graças a Deus depois de ler essa mensagem estou bem melhor…
    abraços

  2. amei esta mensagem e olha a todos amigos que querem compartilhar uma linda amizade comigo eu lhe convido para juntos podermos esta juntos no amor de cristo beijos no amor de DEUS!!

  3. PEDIDO

    Oh. Deus olha para mim,
    Pois que sou um filho Teu,
    Opera em mim um Milagre,
    Como ao cego Bartimeu.

    São condições antagônicas,
    Situações diferentes,
    Mas, Deus em ambos os casos,
    Há desesperos presentes.

    Bartimeu queria ver,
    Para isso Te buscou,
    E na beira de uma estrada,
    Sem enxergar Te encontrou.

    Despiu-se da própria capa,
    Já sabia o que buscar,
    Não desejava outra cousa,
    Só simplesmente enxergar.

    Mesmo sentindo o repúdio,
    Dos fariseus do lugar,
    Não parou, foi renitente,
    Continuo a clamar:

    “Jesus, Filho de Davi
    Tende Piedade de mim,
    Ouves Jesus meu clamor”.
    Insistiu dizendo assim.

    Até que Vós o escutastes,
    E a ele dissestes sim:
    “A tua fé te salvou
    Porque viestes a Mim.”

    Eu sou também meu Jesus,
    Outro cego a implorar,
    Sou uma nau a deriva,
    Sem ter aonde aportar.

    Ousei procurar os ímpios,
    Vendo neles a solução,
    Só encontrei desamor,
    Tristeza e decepção.

    Agora tais quais abutres,
    Meus olhos querem extirpar,
    Sem compaixão, sem piedade,
    Mas com fome cavalar.

    Jesus Filho de Davi
    Oh de mim Tende Piedade,
    Como ao cego Bartimeu,
    Mostras-me Tua Caridade.

    Permita-me Meu Deus Senhor,
    Que eu viva com alegria,
    Junto de minha família,
    Rogando a Ti todo dia:

    Paz, saúde, vida próspera,
    Em Teu Poder a guarida,
    Pois que Tu És o Caminho,
    És a verdade, És a Vida.

    PEDIDO A JESUS

    Ouve Jesus meu clamor.
    Escuta Mestre esta Prece.
    Parece que tudo arruinou,
    A solução não aparece.

    Busco em Ti, então Jesus,
    A minha única guarida,
    Mostra-me a Tua Face,
    Reformula a minha vida.

    Tudo se mostra perdido,
    Só vislumbro a solidão,
    Somente em Ti meu Jesus,
    Posso encontrar solução.

    Se só por Ti meu Jesus,
    Ao Teu Pai posso chegar,
    Contrito Te peço agora,
    A minha vida mudar.

    Permita Deus, por Teu Filho,
    Que eu vislumbre o Teu Olhar,
    Clamo por Ele nesta hora,
    Pra Teu Poder me abraçar.

    Livra-me dos grandes males,
    Que sem pena me corroem,
    Fruto das forças malignas,
    Que devagar me destroem.

    OH! Jesus meu Mestre amado,
    Roga por mim junto a Deus,
    Derrame em mim a Tua Luz,
    Ilumina os dias meus.

  4. TENHO DITO

    Tenho clamado aos céus,
    Saúde, paz e coragem,
    Na minha fé infinita,
    Deus e prece se interagem.

    Tenho recebido tudo,
    Que a Deus peço todo dia,
    Saúde, paz e coragem,
    Cristo é néctar que extasia.

    Tenho tudo que desejo,
    Deus me dá em abundância,
    Saúde, paz e coragem,
    Deus atende a minha ânsia.

    Tenho, porém, uma certeza,
    Não faço por merecer,
    Assim, jamais peço nada,
    Só me resta agradecer.

    Tenho dito, Oh! Deus Supremo,
    Obrigado por me dar,
    Saúde, paz e coragem,
    Para o Seu nome exaltar.

    09/10/07

    JESUS CRISTO

    Jesus Cristo de Deus Sagrado Filho,
    Que de Maria adveio sem pecado,
    Pela força pura do Espírito Santo,
    Lá no ventre de Maria foi gerado.

    Veio ao mundo pela Luz do Santo Pai,
    Feito Homem e a nossa semelhança,
    Porém, cedo, muito já se destacava,
    Aos seis anos, tenra idade, uma criança.

    Do Deus Pai recebeu a incumbência,
    Ser fiel a José e a Maria,
    Genitores que por Deus foram escolhidos,
    Disso tudo o Nazareno sabia.

    Muito jovem discutiu com os doutores,
    Lá no templo consciente doutrinava,
    De Seu Pai a Lei Maior bem conhecia,
    E aos sábios Seus princípios ensinava.

    A Santa Família ia aos poucos entendendo,
    Que Jesus carregava uma Missão,
    Grandiosa, por demais, muito fecunda,
    Logo, logo suportar Sua Paixão.

    Por parábolas admoestava a todos,
    Que o Reino de Seu Pai logo viria,
    Com firmeza, humildade e paciência,
    Multidões que o cercava convencia.

    Não pecar e honrar os Mandamentos,
    De Deus Pai era o que Jesus Pregava,
    Como Bom Pastor que foi em vida,
    Cada hora o seu rebanho aumentava.

    Porém, infelizmente o ciúme,
    Fariseus, infames homens sem fé,
    Essencialmente os que compunham o poder,
    Não ouviram a Jesus de Nazaré.

    Perguntavam: “Tu és o Rei dos Judeus?”.
    Vislumbrando de Jesus as Suas vestes,
    O Nazareno prontamente respondia:
    Não Há dúvidas Vós mesmo já o dissestes.

    Por fim, com medo que a notícia,
    Se espalhasse e tomasse dimensão,
    Tão enorme que eles não a controlassem,
    Procuraram ocultar da multidão.

    Tudo inútil, pois, o povo já sabia,
    Que Jesus era o Rei dos Judeus,
    Procuraram o imperador Pillatos,
    Conclamaram lá no templo os fariseus.

    Era Páscoa e existia um costume,
    De um bandido sem escrúpulos soltar,
    Barrabás por eles foi perdoado,
    E o Justo era pra crucificar.

    Bem na hora da inaceitável sentença,
    Até mesmo Pillatos não entendeu,
    Como o povo tão errado decidiu,
    E o bandido Barrabás absolveu.

    Pillatos empós concitar a turba,
    Fixou seu olhar nos cidadãos,
    E falou: com o sangue Deste Justo,
    Nesta hora lavo apenas minhas mãos.

    Crucificaram o Santo Rei dos Judeus,
    E no Gólgota levantaram a Sua Cruz,
    Desse dia em diante a humanidade,
    Compreendeu que o seu Rei é Jesus.

    OS DEZ MANDAMENTOS

    No alto, entre madeiras,
    Pregaram Teu Corpo Jesus,
    A salvação do Teu povo,
    Surgiu em forma de Cruz.

    Entre humilhações infames,
    Até água Te negaram,
    E no grosseiro madeiro,
    Teu corpo inteiro pregaram.

    Foi tamanho o sofrimento,
    Grande martírio sem fim,
    Que pediste ao Pai Eterno,
    Afasta esse cálice de Mim.

    Mas tudo estava escrito,
    No Livro Santo de Deus,
    Teu Pai dos Céus em três dias,
    Demonstrou aos fariseus.

    Que a verdade estava prestes,
    A se materializar,
    Jesus seu Filho querido,
    Iria ressuscitar.

    Subiu aos Céus e à direita,
    Do seu lado está sentado,
    Suas chagas foram saradas,
    Cristo está ressuscitado.

    Jesus Filho de Deus Pai,
    Não Te rogo coisas vagas,
    Em nome do Pai Eterno,
    Cura também minhas chagas.

    Guia-me segundo a Bíblia,
    Transmuta meus sentimentos,
    Para que na minha vida,
    Siga os Teus Mandamentos:

    Adorar Meu Deus Senhor,
    Acima das coisas terrenas,
    Amar a Ti sobre tudo,
    Pois ante Ti são pequenas.

    Orar a Vós sempre que,
    Pedir o meu coração,
    Seguir a Tua Vontade,
    Não chamar Teu nome em vão.

    Trabalhar com muita força,
    O labor não deixa arestas,
    Porém, ouvir Tua Voz,
    Guardar domingos e festas.

    Como Vós Senhor Jesus,
    Que em tentação nunca cai,
    E fez a vontade de Deus,
    Honrar a mãe e o pai.

    A vida é um dom de Deus,
    E só Ele pode tirar,
    Jamais causar dano a outrem,
    Nem o semelhante matar.

    Seguir na integra o que diz,
    O Teu sexto Mandamento,
    Ser forte, firme e altivo,
    Ser casto a todo o momento.

    Se contentar com o que tem,
    E bens outros respeitar,
    Ser honesto, reto e puro,
    Em hipótese alguma roubar.

    Não faltar com a verdade,
    Mesmo no mais alto cunho,
    Jamais, em momento algum,
    Fazer falso testemunho.

    Honrar sempre o matrimônio,
    E o seu cônjuge respeitar,
    A esposa de seu próximo,
    Nunca podes desejar.

    A inveja é grande pecado,
    A maior das coisas feias,
    Assim não cobiçarás,
    As coisas que são alheias.

    Vicente Alencar Ribeiro

    09/08/07

    Minha Árvore de Natal

    Este ano com calma e paciência,
    Vou armar minha Árvore de Natal.
    A Jesus a Razão da minha festa,
    Já orei pra que me desse o sinal.

    Como base sólida vou usar,
    O amor de Deus que é infinito,
    Os enfeites serão muito diferentes,
    Pra tornar meu projeto mais bonito.

    Como luzes, usarei a luz do sol,
    Pois cintila muito forte sobre o dia,
    Tem também o lindo clarão da lua,
    Que a noite seus reflexos irradia.

    Nesta Árvore com afinco vou colar,
    Carinho, amizade e compaixão,
    Caridade, afeto e humildade,
    Como estrela, botarei meu coração.

    Justiça social e igualdade,
    Muita fé, orações e um amém,
    Mesa farta, pão e vinho para todos,
    Essencialmente para aqueles que não têm.

    Felicidade, sorriso e mil abraços,
    Fraternos cheios de toda harmonia,
    Mãos atadas pelos laços da irmandade,
    Tudo mais que nos traga a alegria.

    Lá no cume da Árvore vou usar,
    Uma imagem do meu Menino Jesus,
    Em Seu Berço humilde onde nasceu,
    Pra na Árvore irradiar Sua Luz.

    Algodão retirado lá das nuvens,
    Pisca-pisca de estrelas, mais de mil,
    Muitas cores transportadas lá do céu,
    Entre outras, muito azul da cor de anil.

    Terminei a minha Árvore ilusória,
    Rendo Graças a Deus com humildade,
    Ergo os olhos pro céu e peço firme:
    Ó Jesus torne a Árvore de verdade.

    Por fim, grito forte aos quatro cantos,
    Desejando de maneira original,
    Parabéns, Ó Jesus por mais um ano,
    Para todos os irmãos: FELIZ NATAL!

    VENTUROSO 2009!

    Com afeto,

    Vicente Alencar Ribeiro

    Et Familiê.

    NADA SOU

    Pensei um belo dia tudo ser,
    Descobri nada sou, tenho certeza,
    Achava-me o manjar da linda ceia,
    Mas apenas sou a fome e a pobreza.

    Eu pensava ser o exponencial,
    O mais sábio, o mais culto e o mais rico,
    Porém, quanto mais eu me conheço,
    Desprezível, pequeno e inútil eu fico.

    Eu achava que era tudo e não sabia,
    Que eu nada era e nada mais,
    Pensava ter escrito o meu tratado,
    Mas que nada vai ficar nos meus anais.

    Olho o jogo e me sinto um idiota,
    Só perdendo sem nem mesmo empatar,
    Competir sem sucesso é minha sina,
    Não consigo nada na vida ganhar.

    Já nem sei a razão de tudo isso,
    Se é sorte ou quem sabe minha falha,
    Desisti saio do jogo da vida,
    Tristemente jogo a minha toalha.

    Porém de tudo tenho certeza,
    Que lutei que briguei pra conseguir,
    Mas que pena a vitória nunca veio,
    Minha vida foi apenas competir.

    A sorte nau errante que a deriva,
    Que jamais junto a mim nunca aporta,
    Minha bússola não indica o rumo Norte,
    Onde vou ancorar já não importa.

    Mas no final do triste túnel,
    Por último vislumbrei a grande luz,
    Um farol com uma lâmpada votiva,
    É a sorte são os olhos de Jesus.

    Junto D’Ele só vitórias alcancei,
    Ganho todas já nem sei o que é que fiz,
    Aprendi com Ele o jogo da vida,
    Vitorioso hoje me sinto feliz.

    EU

    Não nasci por acaso. Deus, quando os primeiros ares e raios de luz, invadiram meus pulmões e olhos, me deu uma missão a ser cumprida. Uma incumbência divina me fora maravilhosamente ofertada.

    Vim ao mundo por vontade única e exclusiva dos Céus. Creio piamente, que, por via de conseqüência, nada acontece à revelia do meu Criador.

    A vida nos é dada para ser integralmente vivida com alegria, saúde, paz e prosperidade. Outras realidades em nosso cotidiano são meros acontecimentos que não condizem com a nossa meta a ser atingida, são frutos de outras vontades, menos, de nosso misericordioso Inventor.

    Portanto, as dificuldades que ora me afligem, não irão muito longe. Sou um vencedor, um autentico filho de Deus que busca cumprir com o seu objetivo colimado, assim, ungido pela sublime e imbatível vontade de Deus, tudo ultrapassarei. Serei feliz, hei de me tornar o ser dotado de todos os desígnios dos Céus. Nada me impedirá de alcançar as minhas vontades, nem tão pouco, objetivar o que me fora prometido.

    Que os transtornos, as dificuldades materiais, as preocupações me aguardem, pois, logo, logo, delas estarei rindo e dizendo:

    Reconheçam, o quão sois insignificantes diante da grandeza do meu Criador!

    Aleluia! Aleluia! Aleluia!

    Perdão aos internautas, se meus meus versos são tristes é porque sou fã número 1 de Augusto dos Anjos. Está explicado!
    ]
    Vicente Alencar Ribeiro
    10/04/08

  5. LINDA MENSAGEM, ME AJUDOU MUITO POIS PENSAVA EM DESISTIR, MAS AGORA TENHO CERTESA DE Q AO LER ESTA MENSAGEM FOI DEUS ME MOSTRANDO O CAMINHO PARA CONTINUAR SEGUINDO.

    06/10/2009

  6. amei as mensagens estou usando alguns exemplo para ampliar os conhecimentos e usar em meus sermoes, pois tem conteúdo as mensagem, palavra e acima de tudo a realidade do dia-a-dia.
    um abraço
    Pastor joel Rocha
    Ministério de Libertação
    Igreja Batista Monte Horebe
    Rua Benedito Lacerda 235
    campo Grande – vila nova – Rio de Janeiro

Deixe uma resposta