Parabéns para seu BEBÊ

Recado Facebook Parabéns para seu BEBÊ

Hoje é o aniversário do seu lindo bebê
E desejo-lhe muita paz e saúde
E que Deus possa abençoa-lo hoje e sempre.

Vida de ESTUDANTE

Recado Facebook Vida de ESTUDANTE

Todo dia acordo cedo moro longe do colégio quando chego  do inferno quero meu pc,
Ta sempre cheia a condução, eu leio, escrevo faço redação, a professora vê defeito até onde não há.
Queria ver professorinha aqui no meu lugar , eu ia rir de me acabar…

Parabéns Querida Criança

publicidade anuncie

Querida criança, você hoje esta colhendo mais um ano de vida, e a vida é um dom supremo do criador do universo.

E você foi presenteada com esse dom precioso, que é viver, neste instante de muitos presentes e de muitos sorrisos, receba de todos nós os votos de muitas felicidades.

E de que você possa crescer com dignidade, que tenha sabedoria para caminhar diante do mundo, e forças para remover os obstáculos.

Você ainda é muito jovem para compreender muitas coisas, mas muitas oportunidades estarão diante de você e terá então muitas opções de escolha.

Escolha sempre certo seja honesto, perseverante e abra os braços para a vida com o coração cheio de amor.

Não se esqueça de ouvir os bons conselhos e seguir somente os bons exemplos.

Feliz aniversário!


Fonte: Mensagens e Poemas

As borboletas

Brancas
Azuis
Amarelas
E pretas
Brincam
Na luz
As belas
Borboletas

Borboletas brancas
São alegres e francas.

Borboletas azuis
Gostam muito de luz.

As amarelinhas
São tão bonitinhas!

E as pretas, então . . .
Oh, que escuridão!

Vinícius de Moraes

A galinha-d’angola

Coitada
Da galinha-
D’Angola
Não anda
Regulando
Da bola
Não pára
De comer
A matraca
E vive
A reclamar
Que está fraca:

A cachorrinha

Mas que amor de cachorrinha!
Mas que amor de cachorrinha!

Pode haver coisa no mundo
Mais branca, mais bonitinha
Do que a tua barriguinha
Crivada de mamiquinha?
Pode haver coisa no mundo
Mais travessa, mais tontinha
Que esse amor de cachorrinha
Quando vem fazer festinha
Remexendo a traseirinha?

Vinícius de Moraes

O elefantinho

Onde vais, elefantinho
Correndo pelo caminho
Assim tão desconsolado?
Andas perdido, bichinho
Espetaste o pé no espinho
Que sentes, pobre coitado?

O pinguim

Bom dia, Pinguim
Onde vai assim
Com ar apressado?
Eu não sou malvado
Não fique assustado
Com medo de mim.
Eu só gostaria
De dar um tapinha
No seu chapéu de jaca
Ou bem de levinho
Puxar o rabinho
Da sua casaca.

Vinícius de Moraes

O gato

Com um lindo salto
Lesto e seguro
O gato passa
Do chão ao muro
Logo mudando
De opinião
Passa de novo
Do muro ao chão
E pega corre
Bem de mansinho
Atrás de um pobre
De um passarinho
Súbito, pára
Como assombrado
Depois dispara
Pula de lado
E quando tudo
Se lhe fatiga
Toma o seu banho
Passando a língua
Pela barriga.

Vinícius de Morais